Cinema, coca-cola e a princesa Máxima

No escurinho do cinema – Parte 1

xxy.jpg

Imagem: divulgação

Amanhã estréia nos cinemas do circuito nacional o filme XXY, dirigido pela argentina Lucía Puenzo, um drama excelente que já tive a oportunidade de assistir no último Noitão do HSBC Belas Artes.

O longa conta a história de Alex, um menino que nasceu hermafrodita e que se muda com os pais para um vilarejo no Uruguai, para fugir do preconceito. Certo dia, os pais recebem a visita de um casal de amigos, cujo pai é especialista em ambiguidade genital e seu filho acaba se interessanto por Alex.

O filme é forte, pesado, tocante. Você vai embora do cinema com aquele famoso “soco no estômago”. Uma boa pedida para o fim-de-semana.

No escurinho do cinema – Parte 2

Você é fã de Sex and the City, já assistiu todos os episódios, ficou extremamente triste com o fim da série e não vê a hora do filme chegar às telonas? Junte-se ao grupo então. Carrie, Samantha, Miranda e Charlotte, protagonistas da série, em julho chegam nos cinemas para contemplar os milhares de fãs ao redor do planeta.

A trama envolve o casamento de Carrie com Mister Big. Dizem por aí que no final ela não acaba casando. Tenho um amigo meu que estava em New York quando o elenco estava gravando uma cena e Carrie, vestida de noiva, jogava o buquê no Big e estava muito brava. Fiquei pirando para saber o que acontecia depois. Mas enquanto isso vamos contando os dias para a chegada do filme.

E ontem, navegando pelos blogs, encontrei no blog do Tony Goes o trailer oficial do filme. Quase surtei. Vou postá-lo aqui também para vocês!

 

Se tem filme, pega a Coca-Cola!

Tantas dicas de filmes e, além da pipoca, uma outra ótima companhia é uma Coca-Cola bem gelada. Se for fazer uma sessão em casa, aí vaí uma dica bem fashion (mesmo não sendo para tomar um Cosmopolitan à la Bradshaw, combina com Sex and the City!): a Doural, presente no segmento de decoração desde 1905, acaba de lançar uma linha para os apaixonados pela bebida.

As mini-geladeiras termoelétricas com um formato incrível de latinha são capazes de resfriar até -22ºC e comportam até 10 latas de 350mL. Nas versões Coca-Cola normal e Light, dão, com certeza, um luxo à qualquer ambiente. O preço sugerido é R$ 708,90 cada.

Já o cooler tem capacidade para 50 litros, possui prateleiras internas em metal e a temperatura vai de 4ºC a 15ºC. O valor é um pouco mais salgado: R$ 2.221. Mas que são uma graça, ah, são!

Essas novidades podem ser encontradas na loja da Doural, que fica na Rua 25 de Março, 595, Centro de São Paulo.

geladeiracooler_cocacola1.jpg

Imagem: divulgação

 

A viagem da princesa

Mais um importante exemplo de pessoas que lutam pelas causas gays: a princesa Máxima, da Holanda, resolveu se reunir com representantes das quatro maiores cidades do país para discutir a questão da exclusão do homossexual.

Ela visitará Amsterdã, Roterdã, Hai e Utrech com o objetivo de promover a política de tolerância e respeitos aos homossexuais nas escolas, seja para os professores e funcionários, ou para as próprias crianças estudantes.

Embora desde 2002 os casais homossexuais possuem direitos iguais aos heterossexuais na Holanda, incluindo a adoção de crianças, é ótimo perceber que a “causa gay” nunca sai de pauta no país.

Uma resposta to “Cinema, coca-cola e a princesa Máxima”

  1. Pedro Paulo Maia Says:

    parei com refrigerante! mas a geladeira eh tudo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: