Contruindo pontes sólidas

por Jorge Tarquini

Antes de dirigir a DOM, uma inspirada criação de Augusto Lins, eu pouco havia visto e vivido do mainstream do tal “universo gay”. Hoje posso dizer: que universo… Como tudo, ele tem o lado brilhante e também o lado obscuro “da força”. Porém, é saber separar o joio do trigo que nos faz caminhar por onde seja, não é mesmo? À parte as naturais decepções (repito, comuns a todos os meios), tive gratas surpresas.

Conhecer alguns blogueiros foi uma delas. Marcos Costa (Carioca Virtual) me prova, a cada telefonema ou encontro, que é possível ser franco e direto sem perder a elegância (coisa rara não só no “meio”). Thiago Magalhães (Introspecthive) é outro que faz da franqueza uma constante. Outros, como Mário Mendes, eu já conhecia de outros carnavais (e redações): pela sua trajetória e seu talento, já conquistou o direito de ser ácido sempre que assim o desejar. Se discordar dele, prepare-se para ter bons argumentos: ele não é de falar de graça.

Outros novos amigos, que também são fontes preciosas, se somam à lista (desculpe se não cito todos, please): Clóvis Casemiro, Fernando Lee, Thiago Pavinatto, Ricardo Hida e Franco Reinaudo, apenas para ficar em alguns. Mais uma vez desculpe os não citados.

No universo da noite, posso falar apenas das pessoas que já conheci: Rodrigo Zanardi (Flexx) e André Almada (The Week). Rodrigo, desde o minuto zero da DOM, nos acolheu com generosidade verdadeira. André, demorou um pouco para eu conhecer. De tudo o que eu já havia ouvido falar dele, fiz questão de esquecer. Conhecê-lo durante a entrevista que fizemos para a DOM #3 me permitiu criar meu próprio julgamento (no melhor sentido da palavra).

Porém, quando estive na The Week pela primeira vez no último sábado, para o lançamento da DOM #3, a simpatia e o savoir faire do André e de seu alter ego empresário, o Almada, só provaram que meu “julgamento” está certo. O ponto alto da noite, que teve muitos, foi quando eu já estava indo embora, pegando meu carro no estacionamento da The Week: lá estava André, celular em punho, resolvendo o que até poderia não ser um problema (e nem me pareceu), mas tinha toda a sua atenção. Um profissional e tanto.

Maledicências, invejas e outras mesquinharias, repito, existem em todos os “meios”. No cenário gay não seria diferente. Mas fico feliz por saber que, até nesse universo tão criticado, até mesmo por quem faz parte dele, é possível construir pontes bem sólidas, que me conduzem a ver todos os seus “lados”. Porém, tendo sempre mãos firmes que me ajudam a percorrer boa parte do caminho. Obrigado, meus novos amigos. E que venham muitos mais!

6 Respostas to “Contruindo pontes sólidas”

  1. elogiar gente talentosa e com um curriculo como o seu é lugar comum, é babar ovo, mas fazer o que se tem ovos e muitos a serem babados. e eu que agradeço o cuidado, a atenção e o carinho de sempre para comigo e com o meu “Luis”. Vc é um queridissimo e todos ai tb são, acho que isto é que faz a diferença da DOM, falava isto mesmo hj com um outro blogueiro, UM BLOGUEIRO BEMMMMMM FAMOSO INTERNACIONALMENTE.

    bjs e ateh a DOM4.

  2. Obrigado pela parte que me toca, Jorge! Acho que sem franqueza, sem ser autêntico consigo mesmo, nada faz muito sentido: nem blog, nem jornalismo, nem trabalho, nem nada. Fico feliz por saber que estou conseguindo dar meu recado de um jeito legal!

    Sucesso a todos nós!

  3. O Thiago e o Marcos são duas pessoas muito queridas e que falam com propriedade da cena gay. A festa na The week estava ótima.

    Parabéns pela revista

  4. Falo mesmo!hahahahaha

  5. Alguém poderia me dizer se o diretor da evista Dom, Jorge Tarquini, é gay? Faço esta pergunta motivado pelo texto que ele escreveu. Faço uma ressalva quanto aos elogios ao cara do Carioca Virtual numa situação específica: ele acha que chamar gay de “bichona’ não é ofensa.

  6. toda equipe da abrat-gls ama a DOM e não vê a hora de cada edição sair do forno!!

    beijos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: